Av. Professor Manuel de Abreu, 850
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
De Segunda à Sexta das 08h às 17h
Nosso Expediente

Morre motorista do carro que explodiu em posto na Zona Norte

Mario Magalhães, de 67 anos, morreu na manhã desta quarta-feira(27) no Hospital Salgado Filho. Ele ficou gravemente ferido na explosão de um cilindro de GNV, ontem, no Auto Posto Quatro Irmãos, no Rocha, Zona Norte do Rio. O acidente aconteceu durante o abastecimento. Mário e a esposa Andreia Tavares estavam fora do veículo no momento da explosão. Ela teve ferimentos leves. Ele passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.

O SINPOSPETRO-RJ se solidariza com a família de Mário Magalhães e cobra providências dos órgãos públicos, responsáveis em fiscalizar as empresas, que fazem a conversão nos veículos. A adaptação dos cilindros de GNV aos carros não pode ser feita em qualquer esquina.

O presidente do sindicato, Eusébio Pinto Neto, diz que existe uma lei municipal, que proíbe os postos de combustíveis de abastecer com GNV os veículos que não apresentam selo do INMETRO com prescrição de validade. Ele acrescenta que o frentista não é fiscal, por isso não cabe ao trabalhador verificar a validade do cilindro.

Por Estefania de Castro
Design Mylena Campos