Av. Professor Manuel de Abreu, 850
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
De Segunda à Sexta das 08h às 17h
Nosso Expediente

Retomada do mercado de trabalho no Rio empolga profissionais

Os trabalhadores que passaram o período de pandemia afastados do mercado de trabalho encontram um cenário mais esperançoso. De acordo com o Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), no acumulado de janeiro a junho de 2022, foram geradas 1,3 milhão de vagas, 14,2% a mais do que no mesmo período de 2021. O número é resultado de 11,6 milhões de admissões menos 10,2 milhões de desligamentos no primeiro semestre.

Na cidade do Rio de Janeiro, apenas no mês de junho foram gerados 13,2 mil postos de trabalho formais frente a 7,8 mil no mesmo período de 2021. O principal responsável pelo resultado em ambos os casos foi o setor de serviços, que concentrou 74,5% em junho deste ano e 76,3% em junho de 2021. Os dados são da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação (SMDEIS).

Um dos impulsionadores dessa mudança tem sido a Secretaria Municipal de Trabalho e Renda (SMTE), que, com base no seu banco de dados, indica o candidato com o perfil mais adequado à vaga cadastrada em seu sistema. De janeiro a julho deste ano, 1.217 pessoas já foram contratadas por meio da pasta. O resultado é quase o dobro do observado no mesmo período do ano passado, quando o total ficou em 527.

A secretaria oferta cursos de capacitação de acordo com as necessidades das empresas.
Rosamaria Santos, O Dia