Av. Professor Manuel de Abreu, 850
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
De Segunda à Sexta das 08h às 17h
Nosso Expediente

Em meio à inflação, donos de supermercados querem ouvir presidenciáveis

Depois de receber Bolsonaro em um evento de supermercados no primeiro semestre e ouvir dele um pedido para segurar os preços da cesta básica, empresários do varejo agora querem conversar com os outros candidatos à Presidência.

A Abras (associação que reúne os varejistas) e o Instituto Unidos Brasil, presidido por Nabil Sahyoun, da Alshop (de lojistas de shoppings), enviaram convites ao próprio Bolsonaro, além de Lula, Ciro Gomes e Simone Tebet para uma rodada de sabatinas sobre as propostas para o próximo governo. Apenas Ciro e Tebet deram resposta, segundo Sahyoun.

O evento está marcado para acontecer junto com a convenção anual da Abras, que deve reunir cerca de 1.200 supermercadistas, nos dias 19 e 20 de setembro, em Campinas (SP).

A expectativa é que a inflação tenha destaque na pauta, mas não na forma de pedidos para comprometer a margem de lucro dos varejistas, como sugeriu o presidente. A ideia da Abras para conter a disparada dos alimentos, era frear a tabela de preços com os repasses vindos da indústria.
Joana Cunha,Paulo Ricardo Martins e Diego Felix, Folha de São Paulo