Av. Professor Manuel de Abreu, 850
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
De Segunda à Sexta das 08h às 17h
Nosso Expediente

Câmara aprova PEC que expande benefícios sociais em ano eleitoral e texto vai à promulgação

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (13) a proposta que atropela as leis que versam sobre eleições e contas públicas para permitir ao governo turbinar benefícios sociais em meio à corrida pelo Palácio do Planalto, o que tem potencial de impulsionar a popularidade do presidente Jair Bolsonaro (PL) na disputa com Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

A PEC (proposta de emenda à Constituição) que dá aval ao pagamento de novos benefícios à população contém sete medidas. Entre elas, ampliação do Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600 até o fim do ano, duplicação do Auxílio Gás para cerca de R$ 120 e a criação de um vale de R$ 1.000 para caminhoneiros.

Além disso, o texto prevê um auxílio para taxistas, repasse de recursos para evitar aumento de preços no transporte público, subsídios para o etanol e reforço de verba no programa de aquisição e doação de alimentos. O custo total é estimado em R$ 41,25 bilhões.

Como não houve mudança de mérito em relação ao Senado, a PEC segue agora para promulgação —o que deve ocorrer nos próximos dias.
Danielle Brant e Raquel Lopes, Folha de São Paulo